Capítulo 5: uma pequena grande formiga

ML056686-Dinoponera-lucid-BR-Barrolandia-2005_08_05 17-47-50┬®MauriceLeponce

Um bicho com três centímetros e meio de comprimento é grande ou pequeno? Depende! Sabe por quê? Em áreas da Mata Atlântica do Sul da Bahia, do norte do Espírito Santo e também em Minas Gerais, vive a chamada formiga-gigante-da-Mata-Atlântica, que tem justamente esse tamanho.

Esse inseto ficou conhecido como gigantesco por conta da comparação feita com outras espécies de formigas. Afinal, um tipo encontrado com frequência no açucareiro de muitas casas pelo Brasil mede pouco mais de um milímetro. Já outras formigas que circulam por nossas residências à noite atingem um centímetro. Com seus três centímetros e meio, a formiga-gigante-da-Mata-Atlântica é muito maior do que esses dois exemplos! Na melhor das hipóteses, tem o triplo do tamanho. Na pior, é 35 vezes maior.

Essa gigante da Mata Atlântica come insetos e até restos de pequenos mamíferos mortos, além de frutos. Porém, infelizmente, está na lista brasileira dos animais ameaçados de extinção. Moradora de áreas de floresta, corre risco de desaparecer da natureza porque tem ficado isolada em fragmentos de mata, por conta do desmatamento, o que dificulta a sua reprodução, que naturalmente já apresenta características bastante particulares.

Ao contrário do que ocorre com outras espécies, entre as formigas-gigantes-da-Mata-Atlântica, qualquer uma das fêmeas do formigueiro – as chamadas operárias que, normalmente, não são capazes de ter descendência– pode tornar-se responsável pela reprodução da espécie, ou seja, se tornar a rainha do formigueiro. Porém, também ao contrário do que ocorre com outras espécies, essa rainha da formiga-gigante-da-Mata-Atlântica jamais teve ou terá asas.

Resultado: sem asas, as fêmeas não podem voar até o formigueiro mais próximo para se reproduzir. Têm que ir andando mesmo. A outra opção é esperar a chegada de algum macho à colônia (nesta espécie, somente os machos são capazes de voar).

O problema é que, muitas vezes, no meio do caminho, a formiga-gigante-da-Mata-Atlântica encontra, por exemplo, um imenso pasto para atravessar até o formigueiro mais próximo. Imagine cruzar tudo aquilo andando! Mesmo para o macho, voando, é difícil. Dessa forma, a distância se transforma em um desafio gigantesco para as maiores formigas do Brasil, um bicho que é o maior entre os menores.

 

Ajude os menores bichos do Brasil

Queremos sair do mundo virtual, entrar em gráfica e virar um livro que possa passar pelas mãos de muitas crianças! Deixe uma contribuição simbólica para nós. 🙂

R$3,00

 

2 comentários

Deixe uma resposta para osmenoresbichosdobrasil Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s